Ademário lidera intenções de voto em Cubatão com 25,37%

Resultado na capa do Diário do Litoral (20/9)

Resultado na capa do Diário do Litoral (20/9)

Pesquisa eleitoral realizada pelo Instituto Opinião Pesquisa, Análise e Consultoria Ltda., a pedido do jornal Diário do Litoral, sobre a eleição para a Prefeitura de Cubatão mostra que o candidato Ademário da Silva Oliveira (PSDB) lidera a corrida para assumir a direção do Paço Piaçaguera com 25,37% das intenções de voto. Na sequência aparece o ex-vereador, Wagner Moura (PMDB), com 18,41%. Adeildo Heliodoro dos Santos, o Dinho (SD) alcançou 16,67%, Severino Tarcício, o Doda (PSB) tem 15,17% e Fábio Inácio (PT) chega a 7,96%.

A pesquisa foi contratada pelo jornal Diário do Litoral e foi registrada com o número SP-04540/2016 no Tribunal Superior Eleitoral, ouviu 402 pessoas, entre os dias 14 e 15 de setembro, e também sondou as intenções de voto para os candidatos a vereador, que disputam as 15 vagas da Câmara Municipal na próxima legislatura. A margem de erro é de 4,9 pontos percentuais para mais ou para menos, considerando-se o coeficiente de confiança de 95%. Não sabem ou não responderam 6,47%. E os eleitores que declararam que não votariam em nenhum dos candidatos chegam a 9,95%.

Na pesquisa espontânea (quando os nomes dos candidatos não são apresentados ao eleitor) Ademário também lidera, com 16,92%. Na sequência aparecem Wagner Moura (10,45%), Dinho Heliodoro (9,95%), Doda (8,21%) e Fábio Inácio (3,48%). O vereador César (PSDB), o candidato a vereador Joziel Lima-Chinha (PSB), a atual prefeita Marcia Rosa (PT) e o ex-prefeito Nei Serra (PSDB) obtiveram 0,25%.

O Instituto Opinião também levantou qual a rejeição de cada candidato. O instituto perguntou aos 402 entrevistados em quem não votariam. O candidato petista possui a maior rejeição entre os eleitores ouvidos pela pesquisa. Fábio Inácio atingiu 31,59%; Wagner Moura chegou a 15,42%; Doda, 14,93%. Na sequência, Ademário aparece com 11,44% e Dinho Heliodoro, com 7,96%. Os que rejeitaram todos os candidatos somam 5,97%. Os eleitores que não rejeitaram nenhum dos nomes chegam a 4,48%. Não souberam responder 8,21% dos entrevistados.

Rejeição da prefeita Marcia Rosa – O Instituto também quis saber se o eleitor “pretende votar pela continuidade da atual administração ou por sua mudança?” A maioria dos entrevistados (87%) quer uma nova administração, enquanto apenas 3% optaram pela continuidade. Os que são indiferentes somam 3% e os que não souberam opinar, 7%.

E sobre a interferência de Marcia Rosa na disputa deste ano, 65% dos eleitores dizem que com certeza não votariam em um candidato apoiado por ela. 29% estão indiferentes em relação ao seu apoio, 5% votariam com certeza nesse candidato e 1% não sabe dizer.

Vereadores – A Câmara Municipal, que atualmente conta com 11 vereadores e na próxima legislatura terá 15 membros, passará por uma grande renovação, já que quatro vereadores disputam o cargo de prefeito e, de acordo com as intenções de voto espontâneas dos eleitores, Cubatão pode voltar a ter mulheres na vereança, de acordo com a Pesquisa do jornal Diário do Litoral.

Queixão (PDT) obteve 4,98% das intenções de voto, seguido de César (PSDB), com 2,74%; Lalá (SD), com 2,49%; Katia (PPS), 1,99%; Allan Matias (PRB) e Roxinho (PMDB), 1,74% cada; Ivan Hildebrando (PSB), Jair do Bar (PT), Carioca (PSDB), Dr. Anderson (PRB), Rafael Tucla (PT) e Toninho Vieira (PSDB), 1,49% cada; Gallo (PSDB), Joziel Lima (PSB), Pastor Valdeci (PRB), Sérgio Calçados (PPS), Wellington Santos (PSB) e Wilson Pio (PSDB), 1,24% cada; Alessandro Oliveira (PRB), Bianca Lira (PSDB), Pastor Carlos Lage (PRB), Fabio Moura (PMDB), Pádua (PT) e Rodrigo Alemão (PSDB), 1% cada; Aguinaldo Araújo (PDT), 0,5%; outros somam 12,4%

Os indecisos ou que ainda não sabem em quem vão votar são 22,88%. Entre os que anulariam o voto ou não votariam em ninguém para vereador chegam a 6,22%.